É o que o Sindiquinze pede neste 8 de Março, Dia Internacional da Mulher

Neste 8 de março, Dia Internacional da Mulher, há pouco para comemorar e muito para refletir e discutir sobre as várias lutas que as mulheres enfrentam.

O Sindiquinze, sindicato que representa uma categoria majoritariamente feminina, rende homenagens a você mulher, e procura incentivar a participação do público feminino nas atividades do sindicato e tem em sua Diretoria Executiva 1/3 de mulheres.

Hoje nos postamos lado a lado na luta contra o machismo que impera em nossa sociedade. Por isso, como mostram alguns dados abaixo, o feminismo não pode ser visto como um palavrão ou tirado de contexto nesta era da ‘pós-verdade’ e da desinformação:

Diante desses dados o Sindiquinze acredita que não é possível festejar. As conquistas históricas, sempre citadas nesta data, foram importantes, sim, mas são muito pequenas se comparadas ao real objetivo da luta atual: igualdade, total e irrestrita.

E para ser coerente com o que defende, o Sindiquinze cede seu lugar de fala para reflexão e chamamento à luta, a uma escritora fantástica e o espaço não poderia ser mais bem ocupado…

01

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *